A Volta da era das sagas

A Volta da era das sagas

Recentemente, Rick Riordan, autor da saga Percy Jackson, anunciou que seu material irá ser adaptado para a televisão através da plataforma de streaming da Disney, o Disney+, deixando muitos fãs em alvoroço para ver a série. Já foi dito também que a série adaptará um livro por temporada, o que traz um alívio, já que terá o tempo necessário pra explorar o material. Agora mesmo todos os fãs devem estar teorizando e escolhendo atores para fazerem a série; é engraçado e bonito de se ver e, lembra de quando outras séries adaptando livros foram anunciadas.

Uma outra adaptação anunciada recentemente foi a de A Seleção, uma trilogia da autora Kiera Cass, que consiste em A Seleção, A Elite e A Escolha. Mas não para por aí, porque tem ainda dois livros complementares que são: A Herdeira e A Coroa, assim como uma série de contos spin-offs para enriquecer o universo.

As notícias de uma adaptação da trilogia vem desde o início da década passada quando a The CW, emissora de TV americana, anunciou que possuía os direitos de adaptação da franquia, até chegou a anunciar um piloto em 2012, mas para a infelicidade dos fãs acabou que não foi escolhido. Mais tarde em 2013 outro piloto foi encomendado e que de novo foi por água abaixo. Em 2015 a Warner Bros anunciou planos para um filme que também não saiu. Muitos anos se passaram e nenhuma notícia sobre uma adaptação de A Seleção. Até que mês passado a Netflix anunciou que faria uma adaptação da saga, dirigida por Haiffaa Al-Mansour. Devido à Para Todos os Garotos e Desventuras em Séries, muitas pessoas já pegaram confiança na Netflix e esperam ansiosos para o lançamento.

A Netflix tem sido um dos principais palcos dessas adaptações, tendo sido uma das primeiras a lançar lá em 2015 uma nova versão de Desventuras em Série, que conseguiu abordar todos os livros da saga em três temporadas, até trouxe Neil Patrick Harris para divulgar a série na CCXP.

Outra série bem recente da Netflix que fez bastante sucesso foi The Witcher, que causou uma grande histeria e se tornou logo uma febre entre os assinantes, assim como a trilogia Para Todos os Garotos, que já tem na conta dois filmes e um terceiro e último chegando por ai em algum momento. A Netflix também detém os direitos de As Crônicas de Nárnia, mas parece que não há nenhuma notícia recente. O streaming foi responsável por distribuir Shadowhunters, uma adaptação de Instrumentos Mortais, saga de Cassandra Clare.

Já a Amazon Prime Video também já encomendou uma série de cinco temporadas no universo da Terra Média, ou seja, Senhor dos Anéis e não será um remake, será um prelúdio para a história contada nos livros e nos filmes, abordando a Segunda Fase da Terra Média e talvez façam até mais séries. Como foi anunciada em 2017, antes mesmo da Warner sequer pensar em um streaming próprio, pode se considerar uma oportunidade perdida do estúdio de focar mais na obra de Tolkien, mas a mesma foi responsável por Game of Thrones, que teve oito temporadas bem sucedidas, e também já anunciou o primeiro spin-off da franquia, House of the Dragon (Casa do Dragão, em livre tradução), que terá base em Fogo e Sangue, um dos livros spin-off da saga, além de poder ser o primeiro de muitos derivados. A HBO em parceria com a BBC One lançou His Dark Materials que adapta a trilogia de Philip K. Pullman, que também fez bastante sucesso quando estreou, agora só resta a Warner fazer uma série spin-off para Harry Potter.

Já em livros foi anunciado um prelúdio para Jogos Vorazes, The Ballad of Songbirds and Snake (sem tradução no Brasil ainda), que provavelmente deve ser adaptado em algum filme, tendo em vista que a Lionsgate tem vontade de reviver a saga no cinema, enquanto isso Stephanie Meyer anunciou mais um livro da franquia Crepúsculo, O Sol da Meia-Noite, recontando a história do primeiro livro através do ponto de vista do Edward, vampiro principal.

Então temos: uma nova série de Senhor dos Anéis, Casa do Dragão, His Dark Materials, The Ballad of Songbirds and Snakes, The Witcher, Percy Jackson, A Seleção, Desventuras em Séries e Shadowhunters.

Com tantos anúncios e lançamentos parece que voltamos para 2012 e ficamos ansiosos por alguma notícia só para agradar o dia. Estamos vivendo uma nova era das sagas literárias de fantasia, em outro modo, dessa vez não vamos precisar sair de casa para ir no cinema e, iremos poder ver no conforto de nossa casa. Agora seria até o melhor momento para os fãs de Divergente ou outras sagas que não deram certo serem feitas na telinha.

De qualquer forma, é uma ótima época para reviver sua fase adolescente e abraçar a nostalgia, mas de maneira mais madura e viver um dos melhores momentos de fantasia.

Gosta do CineVício? Também estamos no Instagram e Facebook, siga-nos por lá e receba nosso conteúdo direto na sua rede social.
Ver comentários