Warner implorou ao diretor de Coringa para comandar a DC Studios

Remasterizado em:
Todd Phillips

O desespero da Warner Bros. com a DC Studios os levou a implorar ao diretor de Coringa, Todd Phillips, para assumir o DCU.

De acordo com o New York Post, Todd Phillips, que causou sensação com seu filme independente sobre o Coringa, foi a primeira escolha da Warner Bros. para chefiar o recém-renovado DC Studios. Uma fonte anônima afirmou o seguinte ao renomado jornal:

“Todo mundo no estúdio recusou o trabalho. Estava prestes a ser Todd Phillips. Eles imploraram para que ele aceitasse.” No final das contas, o trabalho foi para o diretor de Guardiões da Galáxia, James Gunn, e o executivo da Warner Bros., Peter Safran. O relatório sugere ainda que praticamente ninguém em Hollywood estava disposto a aceitar o papel.

Após a rejeição do diretor do Coringa, Gunn e Safran foram anunciados como os novos chefes da DC Studios em outubro. Isso aconteceu após a estreia de Adão Negro. Desde então, várias mudanças importantes foram feitas, todas sugerindo um reboot completo do que antes era chamado de DCEU. Estrelas da antiga franquia da Warner foram cortadas de aparições planejadas, incluindo a estrela de Mulher Maravilha, Gal Gadot, e a estrela de Homem de Aço, Henry Cavill, que deveriam fazer aparições no próximo filme do Flash.

Pipoca Extra: